Como não deitar tudo a perder nos jantares de Natal?

Estamos em Dezembro, o mês por excelência dos lanches, almoços e jantares de Natal. Se isto é sinónimo de convívio e alegria, também pode ser sinónimo de receio para quem esteja com o objetivo de reduzir ou controlar o peso.

A verdade é que a maior exposição a entradas, pratos, sobremesas e bebidas mais apetecíveis não é 100% fácil de lidar, mas também não é o fim do mundo!  Vamos juntos ver algumas coisas que podemos fazer para que possamos usufruir destes momentos com alegria, sem a sensação de restrição, mas mantendo o foco nos nossos objetivos!

 

1) Nunca vá para estes convívios com fome. A fome “tira-nos a racionalidade” e temos tendência para ceder e fazer escolhas menos saudáveis. Lanche bem antes de ir, por exemplo.

2) Quando chegar ao restaurante, peça uma sopa e faça dela a sua entrada.

3) Apenas no caso de não haver sopa, se optar por entradas, faça escolhas inteligentes: pode optar por pedir azeitonas, pimentos padrão, queijo fresco, salada de polvo, uma salada mais apetitosa, em vez de pedir chamuças, pão, queijos gordos, enchidos, croquetes, rissóis…

4) Peça para acompanhar o prato com legumes e salada, ou pelo menos peça para que estes sejam a maior parte do prato. Mesmo que o seu prato não esteja previsto ser servido com legumes, há sempre legumes feitos nos restaurantes, que acompanham outros pratos, pelo que os pode pedir;

5) Evite os fritos, isso já sabe! Batatas fritas, folhados, filetes,panados, bifes fritos…

6) Evite pratos com molho de natas;

7) Modere (e muito!) o consumo de bebidas alcoólicas. Se quiser acompanhar a bebida com um copo de vinho, peça também uma água e vá alternando. E esqueça as bebidas antes e depois da refeição, não precisa de somar calorias com whisky ou gins…

8) Escolha uma sobremesa mais saudável: maçã assada, fruta laminada, ou partilhe com alguém outra sobremesa;

9) Mastigue devagar, saboreie bem os alimentos e usufrua da refeição;

10) Se o convívio for um lanche em que cada pessoa contribui com algo (comum nos locais de trabalho), leve uma ou duas opções saudáveis. Assim, se os seus colegas só levarem opções desadequadas à sua saúde e aos seus objetivos, pode sempre comer daquilo que levou. Além disso, é uma ótima oportunidade de partilhar com as outras pessoas receitas mais saudáveis, para que todos aos poucos fiquem com mais saúde!

11) Em caso de excessos já sabe, mexa-se mais!

12) Lembre-se que está lá pelas pessoas e não pela comida! 😉

Divirta-se, sem se esquecer do que é melhor para si e do que realmente quer!



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *